• ZU Pet Shop

Hábitos Alimentares dos gatos · Algumas Dicas

A alimentação do seu gato é fundamental para assegurar o seu bem-estar, e esta deve ser escolhida em função da espécie, raça e/ou tipo, bem como da faixa etária em que se encontra.


A água fresca deve estar sempre à disposição, sendo importante assegurar vários bebedouros numa casa com mais do que um animal, ou que tenha espaço exterior. Neste caso, é importante colocar os bebedouros em zonas que tenham sombra ao longo do dia.


Os gatos são conhecidos por consumirem pouca água e consequentemente terem problemas renais associados a esse parco consumo, por isso, podemos estimular o consumo de água através de fontes em que a água não só estará sempre limpa (filtrada) como poderá ser corrente, algo que alguns gatos adoram. Os gatos são ainda particularmente exigentes com a qualidade da água e possíveis contaminações com detritos e odores, pelo que sugerimos que os bebedouros para os felinos sejam colocados afastados das taças de alimentação e das caixas de areia.


Quanto aos alimentos, a maioria das pessoas opta pelo consumo livre, isto é, manter a comida disponível ao longo de todo o dia. Mas apesar do facto de os gatos tendencialmente fazerem refeições curtas, consumindo pequenas quantidades de cada vez, mais vezes ao dia, também é possível habituar os gatos a comerem por refeições, abdicando do consumo livre. O sistema digestivo dos gatos é mais complexo, estando fundamentalmente preparado para digerir carne, e a sua alimentação deverá ser pensada em função da etapa de desenvolvimento bem como alguns problemas ou sensibilidades que possam existir.


Os gatos têm uma tendência inata para consumir plantas de vários tipos como forma de facilitar o processo digestivo, pelo que não se deve impedir o animal de consumir ervas se for essa a sua vontade: com o devido cuidado para garantir que a planta está livre de pesticidas e outros agentes potencialmente nocivos. Não raras vezes, esta ingestão de plantas conduz à regurgitação que, sendo pontual e acompanhada de saliva translúcida, não deverá ser motivo de preocupação nem de visitas ao veterinário. Contudo, se notar vómitos excessivos ou com colorações estranhas, deverá contactar o seu veterinário.

Cuidamos do seu

melhor amigo.

FALE CONNOSCO 

© 2020 ZU | Marca Registada Sonae MC | Informação sobre o Tratamento de Dados Pessoais | Política de Cookies